Geral

SORTE GRANDE: Se você tem ESTA moeda, pode vender por R$ 100 MIL no PIX – confira

Moeda. Foto: Reprodução
Moeda. Foto: Reprodução

Você já pensou que algumas moedas que você guarda há anos podem se tornar verdadeiros tesouros entre os colecionadores? É surpreendente, mas é uma realidade que muitos ainda desconhecem. Diversas moedas brasileiras, algumas em circulação, podem valer uma pequena fortuna devido a sua raridade e erros de cunhagem.

Moeda de 1 Cruzeiro “Cana de Açúcar”: O Tesouro Esquecido

A moeda de 1 Cruzeiro de 1983, apelidada de “Cana de Açúcar”, é uma das joias da coroa entre as moedas raras brasileiras. De acordo com o perfil de TikTok “Numismática Cultural”, essa moeda pode chegar a valer até R$ 100 mil entre os colecionadores mais apaixonados.

Mas o que torna essa moeda tão especial? Além da sua data de cunhagem, que a torna uma raridade, a moeda de 1 Cruzeiro de 1983 apresenta um detalhe único em sua gravação: a representação de uma cana de açúcar no reverso, daí o seu apelido. Essa característica peculiar a torna ainda mais cobiçada pelos numismatas.

Então, se você é daqueles que guarda algumas moedas antigas nos bolsos, vale a pena dar uma boa olhada na sua coleção. Você pode estar guardando um verdadeiro tesouro sem nem mesmo saber!

Outras Moedas Raras Brasileiras que Valem Muito

A moeda de 1 Cruzeiro “Cana de Açúcar” não é a única relíquia numismática brasileira que pode render uma boa quantia. Existem diversas outras moedas raras que podem surpreender os seus proprietários com seus altos valores de mercado.

Moeda de 50 Centavos de 2012 Sem o Zero

Uma moeda de 50 centavos de 2012 sem o zero pode valer entre R$ 1.500 e R$ 1.800, devido à sua raridade.

Moeda de 1 Real de 1998 – Edição Comemorativa

A moeda de 1 real de 1998, edição comemorativa dos 50 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, é avaliada entre R$ 200 e R$ 330.

Moeda de 5 Centavos de 1997 com Disco Trocado

Uma moeda de 5 centavos de 1997 com o disco trocado, pesando menos que o normal, pode valer R$ 800.

Moeda de R$ 1 de 2012 com Imagem da Entrega da Bandeira Olímpica

A moeda de R$ 1 de 2012 com a imagem da entrega da bandeira olímpica é estimada entre R$ 90 e R$ 120.

Moeda de 1 Real de 1994 com Reverso Invertido

A moeda de 1 real de 1994 com o reverso invertido é cotada a R$ 850.

Moeda de 10 Centavos de 1995 do Plano Numismático para a FAO

A moeda de 10 centavos de 1995 do Plano Numismático para a FAO pode valer de R$ 60 a R$ 85.

Moeda de 25 Centavos de 1995 do Plano Numismático para a FAO

A moeda de 25 centavos de 1995 do Plano Numismático para a FAO vale entre R$ 20 e R$ 35, mas uma versão com o anverso trocado por uma de 50 centavos pode chegar a R$ 3.000.

Entendendo o Que Torna uma Moeda Rara e Valiosa

Mas o que exatamente torna uma moeda rara e, consequentemente, valiosa? Existem alguns fatores-chave que determinam o valor de uma moeda entre os colecionadores:

  1. Baixa Quantidade Cunhada: Moedas com um número reduzido de unidades fabricadas tendem a ser mais raras e, portanto, mais valorizadas.
  2. Erros de Cunhagem: Pequenos erros ou imperfeições durante o processo de fabricação da moeda, como cunho trocado, reverso invertido ou disco trocado, tornam a peça ainda mais especial e cobiçada.
  3. Idade da Moeda: Moedas mais antigas, especialmente aquelas fora de circulação há muito tempo, geralmente possuem um valor de colecionador mais elevado.
  4. Estado de Conservação: O grau de conservação da moeda também é um fator determinante. Quanto melhor o estado de preservação, maior será o seu valor.

Então, ao analisar suas moedas antigas, preste atenção a esses detalhes. Você pode estar guardando verdadeiras relíquias que podem render uma boa quantia entre os entusiastas da numismática.

Thaymã Rocha

Especialista em Redação, escreve textos para o Benefícios do Dia com temas de Benefícios Sociais, Direitos do Trabalhador e Economia.