Bolsa Família

Emissão Da Segunda Via Do Cartão Bolsa Família 2024; Acompanhe as datas de pagamento

Bolsa Família 2024. Foto: Reprodução
Bolsa Família 2024. Foto: Reprodução

Em uma iniciativa para simplificar os procedimentos para os beneficiários do Bolsa Família, o governo federal, em parceria com a Caixa Econômica Federal, anunciou recentemente a possibilidade de solicitar a segunda via do cartão do programa de forma totalmente digital.

Esta medida visa agilizar o processo para aqueles que perderam, tiveram o cartão roubado ou danificado, evitando a necessidade de deslocamentos e filas presenciais.

Atualizando os Dados no Cadastro Único

Antes de iniciar o processo de solicitação online da segunda via do cartão, é fundamental que os dados pessoais do beneficiário estejam devidamente atualizados no Cadastro Único (CadÚnico). Esta etapa é crucial, pois garante que as informações mais recentes sejam consideradas durante o processamento do pedido.

Os beneficiários têm duas opções para realizar a atualização cadastral. A primeira é através do site oficial do CadÚnico, onde é possível preencher e enviar os dados atualizados de forma online. A segunda opção é comparecer presencialmente a um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo, onde os atendentes estarão aptos a auxiliar na atualização das informações.

Acesso ao Portal do Bolsa Família

Com os dados devidamente atualizados no CadÚnico, o próximo passo é acessar o portal oficial do Bolsa Família através do endereço bolsafamilia.caixa.gov.br. Neste site, os usuários devem realizar o login utilizando o número do CPF e a senha cadastrada anteriormente.

Para aqueles que não possuem uma senha ou a esqueceram, o portal oferece orientações claras para a criação ou recuperação da mesma. Basta seguir as instruções fornecidas, garantindo assim o acesso seguro à plataforma.

Solicitação da Segunda Via do Cartão

Após o login bem-sucedido no portal do Bolsa Família, os beneficiários terão acesso à opção de solicitar a segunda via do cartão. Nesta etapa, será necessário preencher um formulário online com informações pessoais e detalhes específicos relacionados ao benefício.

É essencial que os dados sejam preenchidos com atenção e precisão, conferindo cuidadosamente todas as informações antes de finalizar a solicitação. Qualquer erro ou inconsistência pode resultar em atrasos ou até mesmo na negação do pedido.

Calendário de Pagamentos do Bolsa Família em Junho de 2024

O Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) divulgou o cronograma de pagamentos do Bolsa Família para o mês de junho de 2024. Os benefícios serão depositados de forma escalonada, com os titulares de Número de Identificação Social (NIS) finalizados em 1 recebendo primeiro, seguidos pelos demais, de acordo com o último dígito do NIS.

Datas de Pagamento por Final de NIS

  • NIS com final 1: 17 de junho
  • NIS com final 2: 18 de junho
  • NIS com final 3: 19 de junho
  • NIS com final 4: 20 de junho
  • NIS com final 5: 21 de junho
  • NIS com final 6: 24 de junho
  • NIS com final 7: 25 de junho
  • NIS com final 8: 26 de junho
  • NIS com final 9: 27 de junho
  • NIS com final 0: 28 de junho

É importante ressaltar que, com exceção de dezembro, quando os pagamentos são antecipados, o Bolsa Família é depositado durante os últimos 10 dias úteis de cada mês.

Antecipação de Pagamentos para Famílias do Rio Grande do Sul

Há uma exceção importante para os moradores de municípios em situação de emergência ou estado de calamidade pública reconhecidos pelo governo federal. Nestes casos, a Caixa Econômica Federal, responsável pelos repasses, irá antecipar o crédito para 658 mil famílias do Rio Grande do Sul.

Valores do Benefício Bolsa Família

O Bolsa Família prevê o pagamento de, no mínimo, R$ 600 por família. Além disso, há adicionais de:

  • R$ 150 por criança de até 6 anos
  • R$ 50 por gestantes e crianças e adolescentes de 7 a 17 anos
  • R$ 50 por bebê de até seis meses

Portanto, uma família com duas crianças pequenas e uma gestante pode receber até R$ 750 mensalmente.

Requisitos de Elegibilidade para o Bolsa Família

A principal regra para receber o benefício é ter renda mensal familiar de até R$ 218 por pessoa. Para se enquadrar no programa, é necessário somar a renda total e dividir pelo número de pessoas da família. Caso o valor fique abaixo dos R$ 218, a família está elegível ao Bolsa Família.

Além disso, os beneficiários precisam cumprir algumas contrapartidas, como:

  • Manter crianças e adolescentes na escola
  • Realizar o acompanhamento pré-natal (no caso de gestantes)
  • Manter as carteiras de vacinação atualizadas

Como Consultar o Bolsa Família pelo CPF ou NIS

A consulta pública do Bolsa Família pode ser feita de forma online, diretamente no site da Caixa Econômica Federal. Basta seguir estes passos:

  1. Acesse o site da Caixa Econômica Federal
  2. Clique em “Consultar famílias beneficiárias”
  3. Selecione a opção “Consulta por família”
  4. Digite o NIS (Número de Identificação Social) e o CPF do responsável familiar
  5. Clique em “Consultar”

Assim, você poderá visualizar os valores liberados por família, além de consultar o saldo do benefício e os valores já sacados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *