Nubank

Conta Nubank é conta corrente ou poupança e Por que os clientes querem encerrar a conta?

Nubank. Foto: Reprodução
Nubank. Foto: Reprodução

NuConta é classificada como uma conta de pagamentos, diferenciando-se tanto da conta corrente quanto da poupança tradicional. Essa modalidade de conta surgiu como uma alternativa às opções bancárias convencionais, oferecendo uma experiência digital e simplificada para os usuários.

Ao contrário da conta poupança, a NuConta permite a realização de diversas transações, como pagamentos de contas, transferências e a emissão de um cartão de crédito. No entanto, ela também se distingue da conta corrente por apresentar algumas limitações, como a impossibilidade de realizar investimentos que não sejam governamentais.

Características-chave da NuConta

  • Remuneração do saldo: A NuConta remunera o saldo parado na conta por, no mínimo, 30 dias, pagando 100% do CDI, superando a rentabilidade atual da poupança.
  • Cartão de crédito e débito: Assim como as contas correntes, a NuConta oferece um cartão de crédito e débito vinculado à conta.
  • Abertura e controle pelo aplicativo: A abertura e o gerenciamento da conta são realizados exclusivamente pelo aplicativo do Nubank, sem a necessidade de visitar agências físicas.
  • Transferências ilimitadas e gratuitas: A NuConta permite transferências ilimitadas e gratuitas para outros bancos via TED e PIX.
  • Isenção de taxas: A conta não possui taxa de manutenção ou anuidade.

Escândalo de xenofobia expõe práticas questionáveis com a Nubank

A primeira controvérsia envolvendo o Nubank veio à tona quando o site The Intercept revelou um esquema da empresa para abafar um caso de xenofobia ocorrido em 2016. De acordo com as informações divulgadas, Konrad Scorciapino, então engenheiro de software do Nubank, foi acusado de proferir comentários xenófobos contra um colega de trabalho.

Em vez de lidar com o incidente de forma transparente e ética, a fintech optou por encobrir o caso. Scorciapino, que atualmente é diretor de tecnologia do Brasil Paralelo – um site produtor de conteúdo ligado à extrema direita e ao bolsonarismo –, teria sido transferido para outra área da empresa, evitando assim qualquer punição ou consequência mais severa.

A reação dos clientes

Essa revelação causou indignação entre os clientes do Nubank, que questionaram os valores éticos da empresa e sua capacidade de lidar com situações de discriminação e preconceito no ambiente de trabalho. Muitos usuários expressaram sua decepção nas redes sociais, ameaçando encerrar suas contas e migrar para instituições financeiras concorrentes.

“Eu sempre acreditei que o Nubank era uma empresa comprometida com a diversidade e a inclusão. Essa atitude de encobrir um caso de xenofobia é inaceitável e contradiz completamente os valores que eles dizem defender.” – João S., cliente há 3 anos.

“Como posso confiar meu dinheiro a um banco que não consegue lidar com situações de preconceito de forma adequada? Estou seriamente considerando encerrar minha conta e procurar outra instituição financeira.” – Mariana R., cliente há 2 anos.

Polêmica envolvendo a extrema direita

Apenas algumas semanas após o escândalo de xenofobia, o Nubank se viu envolvido em outra controvérsia que abalou sua imagem perante os clientes. Desta vez, a cofundadora da fintech, Cristina Junqueira, divulgou em seu Instagram um evento promovido pelo site Brasil Paralelo, conhecido por disseminar conteúdo ligado à extrema direita e ao bolsonarismo.

A repercussão negativa nas redes sociais

Essa associação com um grupo de ideologia extremista gerou uma onda de críticas e indignação nas redes sociais. Usuários do Twitter incentivaram o boicote à empresa e ameaçaram transferir suas contas para concorrentes, questionando os valores e a postura política do Nubank.

“Como posso confiar meu dinheiro a um banco que tem ligações com grupos de extrema direita? Esse tipo de associação é inaceitável para mim.” – @luizaferreira

“Acabei de encerrar minha conta no Nubank. Não posso apoiar uma empresa que se envolve com grupos que disseminam o ódio e a intolerância.” – @pedrosilva92

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *