Geral

Bradesco emite AVISO OFICIAL para os brasileiros que querem ganhar R$ 308,35, R$ 370,02; confira

Bradesco. Foto: Reprodução
Bradesco. Foto: Reprodução

A poupança continua sendo uma das opções de investimento preferidas pelos brasileiros, e a Poupança Bradesco se destaca como um dos produtos mais procurados neste cenário.

Afinal, o Bradesco é uma das maiores instituições financeiras do país, o que lhe confere credibilidade e confiança. Mas será que a Poupança Bradesco realmente vale a pena em 2024?

A saber, a Poupança Bradesco é um produto de investimento tradicional oferecido pelo Banco Bradesco, um dos maiores bancos do Brasil. Ao abrir uma conta poupança nesta instituição, o cliente pode depositar seus recursos e obter rendimentos mensais sobre o saldo aplicado.

O funcionamento da Poupança Bradesco é bastante similar ao de outras contas poupança no país, com a possibilidade de realizar depósitos a qualquer momento, a partir de um valor mínimo de R$10 para a abertura da conta.

Rentabilidade da Poupança Bradesco

A rentabilidade da Poupança Bradesco é determinada pela taxa Selic, a taxa básica de juros da economia brasileira. Quando a Selic está acima de 8,5% ao ano, a poupança rende 0,5% ao mês, ou 6,17% ao ano, mais a Taxa Referencial (TR). Já quando a Selic está igual ou abaixo de 8,5% ao ano, a poupança rende 70% da Selic mais a TR.

Projeções de Rendimento da Poupança Bradesco em 2024

Atualmente, com a taxa Selic em 10,75% ao ano, a expectativa é que a poupança 2024 do Bradesco apresente um rendimento anual de aproximadamente 6,167% nos próximos 12 meses. Isso significa que:

  • Para quem tem R$ 5.000,00 na conta, o retorno esperado é de R$308,35 ao longo de um ano.
  • Para quem tem R$ 6.000,00 na conta, o retorno esperado é de R$370,02 ao longo de um ano.

É importante ressaltar que esses valores são apenas projeções e podem sofrer alterações de acordo com as futuras decisões do Copom em relação à taxa Selic.

Vantagens da Poupança Bradesco

Apesar da rentabilidade limitada, a Poupança Bradesco apresenta algumas vantagens interessantes:

Uma das principais vantagens da Poupança Bradesco é sua alta liquidez. O cliente pode sacar seu dinheiro a qualquer momento, sem pagar taxas ou multas, tornando-a uma opção atraente para quem precisa de um investimento de fácil acesso, como uma reserva de emergência.

A Poupança Bradesco também se destaca por não cobrar tarifas de manutenção de conta. Além disso, os rendimentos da poupança são isentos de Imposto de Renda e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

Outro ponto positivo é a proteção oferecida pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que garante o ressarcimento de até R$250 mil por CPF e por instituição bancária, caso o Bradesco venha a enfrentar algum problema.

Desvantagens da Poupança Bradesco

Apesar das vantagens, a Poupança Bradesco também apresenta algumas desvantagens que devem ser consideradas:

Uma das principais desvantagens é a baixa rentabilidade da poupança, limitada pelas oscilações da taxa Selic. Essa remuneração pode ficar abaixo da inflação, fazendo com que o dinheiro aplicado perca valor ao longo do tempo.

Outra desvantagem é que a Poupança Bradesco possui um número limitado de saques, transferências e extratos por mês. Caso o cliente ultrapasse esses limites, terá que pagar juros adicionais.

Quem a Poupança Bradesco Vale a Pena?

Diante dessas vantagens e desvantagens, a Poupança Bradesco pode ser uma opção interessante para determinados perfis de investidor:

  • Clientes do Banco Bradesco que desejam concentrar suas reservas em uma mesma instituição.
  • Investidores que buscam segurança e simplicidade em seus investimentos, apesar da rentabilidade limitada.
  • Investidores que procuram uma alternativa para compor sua reserva de emergência, dada a alta liquidez da Poupança Bradesco.

Alternativas Mais Rentáveis

Embora a Poupança Bradesco seja uma opção tradicional, existem outras alternativas de investimento que podem oferecer uma rentabilidade mais atraente:

As contas digitais, como as do Nubank e PicPay, têm apresentado rendimentos superiores à poupança tradicional, além de oferecerem maior flexibilidade e facilidade de movimentação.

Os Certificados de Depósito Bancário (CDBs) também podem ser uma opção mais rentável que a poupança, oferecendo retornos acima da taxa Selic, embora com um pouco menos de liquidez.

Outra alternativa são os fundos de investimento, que podem proporcionar uma rentabilidade mais expressiva, dependendo do perfil de risco do investidor. Opções como os fundos de renda fixa e os fundos multimercado são boas alternativas.

Thaymã Rocha

Especialista em Redação, escreve textos para o Benefícios do Dia com temas de Benefícios Sociais, Direitos do Trabalhador e Economia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *